Ativa Logística Inaugura Unidades em MG

Ativa Logística Inaugura Unidades em MG

Principal polo industrial do norte de Minas Gerais, responsável pelo 10º maior PIB do Estado, Montes Claros ganhará, em setembro, a 18ª unidade da Ativa Logística, maior operadora logística nos segmentos de saúde, cosméticos e bem-estar do país. Ao mesmo tempo em que inaugura a nova operação em território mineiro, a companhia muda o endereço de sua filial da capital Belo Horizonte para um espaço muito mais amplo em Contagem, na Grande BH. Os dois projetos fazem parte dos planos da Ativa em estar mais próximo aos grandes destinatários e ampliar sua capacidade de atendimento em uma região em que os investimentos na área farma têm sido intensificados nos últimos anos.

Juntas, a inauguração em Montes Claros e a mudança de BH exigiram capital da ordem de R$ 3 milhões, que integram os R$ 30 milhões de investimentos previstos em infraestrutura, tecnologia, contratações de funcionários, aquisição de caminhões e a criação de filiais em Anápolis (GO) e Brasília (DF) que a Ativa Logística planeja fazer até 2019. “Precisamos estar preparados para atender as demandas do mercado. Enxergamos na região de Montes Claros um potencial para novos negócios, além da cidade estar se tornando um polo do segmento farma cada dia mais representativo”, explica o presidente Clóvis A. Gil.

De acordo com Luiz Carlos Ropelato, gerente nacional de Operações da Ativa, a proximidade com importantes destinatários do interior de Minas vai melhorar muito o fluxo de operações da companhia em Minas Gerais. Até o final do ano espera-se um incremento de 40% no volume de movimentação de produtos. Nos primeiros cinco meses de 2018 foram transportadas 17,4 mil toneladas no Estado, que representam 18,34% do total das operações da Ativa em todo o país. Em valores, elas contabilizam R$ 94,5 milhões, quase 30% mais do que o mesmo período de 2017, quando foram registrados R$ 73,3 milhões.

Novo prédio para atender demanda – Desde que desembarcou em Minas Gerais, em 2000, na cidade de Pouso Alegre, a Ativa só cresce no Estado. A mudança de área em Belo Horizonte ocorre para atender a demanda crescente registrada especialmente nos últimos cinco anos, como lembra a gerente regional comercial, Viviane Decliê.

O novo local possui 12 docas e pé direito de 13 metros. “Isso representa um crescimento de 50% de área para operação de transporte. Com essa ampliação, além de nos adequarmos para atender a demanda, melhoramos o nível de qualidade na operação”, diz o gerente regional de operações, Wanderley Peixoto. “Com a mudança foi possível melhorarmos algumas áreas, como as destinadas ao descanso dos motoristas, que ficou mais distante da operação, diminuindo assim os ruídos. Além disso, duas reivindicações antigas dos funcionários serão atendidas: melhoria no acesso às linhas de ônibus da cidade e uma área de descanso para todos”, completa.

Quanto à demanda, lembra Wanderley, com a ampliação de área operacional a Ativa Logística ganhará nos processos de recebimento, triagem, conferência, separação, carregamento e entrega. “Essa agilidade possibilita o aumento do fluxo das entregas. Somente em março deste ano, por exemplo, tivemos um aumento de 12% nas entregas. Portanto, com maior espaço, a tendência é que esse número seja ultrapassado”, afirma.

A Ativa, que mantém filiais também em Juiz de Fora, Uberlândia e Pouso Alegre, atua em 100% dos municípios de Minas Gerais, como lembra a gerente regional Viviane Decliê. A inauguração da filial de Montes Claros e a ampliação da sede na região metropolitana da capital permitem a empresa já prever um ousado plano de expansão. Em 2017, a unidade de Belo Horizonte foi responsável por entregar 108.498 toneladas de produtos, atrás apenas de São Paulo (341.572 toneladas), Rio de Janeiro (270.168) e Campinas (168.735), polos que concentram as indústrias farmacêuticas e de cosméticos do país.